skip to Main Content
contato@paisefilhas.com.br
Aprendendo A Comer Sozinha

Aprendendo a comer sozinha

Acho engraçada essa mania que meus pais têm de acharem que sabem melhor do que eu o quanto tenho que comer.

Tanto pediatra, tanta pesquisa, tanto doutorado, e ninguém chegou ainda à conclusão que se os pais aprenderem a respeitar os bebês, eles certamente serão equilibrados de peso?

Nós sabemos exatamente o quanto temos que comer. E a quantidade é muito variável. Ou seja, em um mês como muito, e no mês seguinte como a metade. E então a mamãe fica confusa, coitada. Na verdade, acho que ela pensa muito nela quando vai fazer o meu prato e acaba colocando uma quantidade que não faz o menor sentido pra uma pessoinha como eu!

As mães são realmente preocupadas demais. Claro que é parte do jogo. Esse nível alto de preocupação é uma programação biológica para que elas não façam pouco caso de nós. Mas difícil as mães entenderem o conceito de meio termo…

Uma coisa que minha mãe adorou foi ter visto os amigos do papai, na Espanha, dando comida para os filhos na mesma hora que os adultos comem. Aqui no Brasil, que é o país onde a gente mora, as crianças comem antes dos adultos, não junto. Isso porque aqui tudo tem hora certa pra acontecer! Nada pode sair do script com bebês! Não sei por que fazem assim, mas me parece mais complicado…

Minha mãe – sempre indecisa – fica na dúvida se devo ser um bebê livre que se adapta à vida dos pais ou se devo ter uma rotina cartesiana para aprender a importância da disciplina.

Na minha opinião? Tanto faz! Na minha fase atual, minhas prioridades são claras: amor e amor e amor!

Fonte: www.paisefilhos.com.br

Alexandre Rudalov

Acredito que o principal papel de um pai é participar efetivamente na educação e se educar junto aos filhos, solidificando a relação de afeto e amizade entre ambos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close search
Back To Top