skip to Main Content
contato@paisefilhas.com.br
Por Que Amamentar Em Público Gera Tanta Polêmica?

Por que amamentar em público gera tanta polêmica?

A natureza das “pequenas” coisas perde o sentido a cada dia. Agora, se é um ato natural, por que tanta polêmica?
Amamentar em público tem trazido para a sociedade um problema ridiculamente polêmico, e sem a menor necessidade.


Acabei de ler uma matéria que deu a seguinte resposta para essa questão:
Uma resposta simples é o fato de vivermos em uma sociedade machista que objetifica e hipersexualiza o corpo da mulher

Não vou destacar de outra forma essa resposta, mas a generalização de todo e qualquer assunto é impensada. Não me considero machista, nunca vi (mesmo antes de ser pai) a amamentação de outra forma que não um momento natural de relação de afeto, amor entre mãe e bebê ou até mesmo nem me atentando ao fato de que ali, havia uma mulher, mãe, com o seio à mostra exclusivamente para ALIMENTAR o filho.

No Brasil, como tudo funciona à base de leis e medidas provisórias, a cidade de Poços de Caldas está próxima de aprovar uma lei que garanta o direito da amamentação em público. No mês passado, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou em segunda votação um projeto de lei que prevê uma multa de R$ 500 para estabelecimentos que proibirem o aleitamento ou constrangerem a mulher enquanto amamenta. No caso de reincidência, o valor será de R$ 1 mil.

A que ponto chegamos? Necessidade de multar, punir, estabelecimentos que proíbem amamentar o filho publicamente?

Pesquisa recente realizada pela Lansinoh mostrou que a maioria das brasileiras (55%) acha perfeitamente natural amamentar em público; 22% considera inevitável, 21% constrangedor e apenas 2% acha errado. O estudo foi realizado com 13.169 mães e gestantes em nove países no primeiro semestre de 2014. ( no Brasil foram entrevistadas 2 mil pessoas);

Eu queria ouvir pessoalmente a opinião desses 2% que acha errado. Existe uma razão concreta? Ora, se você não quer ver uma mãe amamentando, porque motivo você olha? Sinceramente eu nunca vi uma mãe sair gritando e pulando nos corredores de um shopping com os seios pra fora anunciando que vai “dar o peito” tudo é feito da forma mais natural possível, afinal de contas não dizem que “a maldade está nos olhos de quem vê”?

Agora vejam o que pra mim é um outro absurdo, e em um país de primeiro mundo:

Cabine de amamentação

Cabine de amamentação

“Nova York adotou uma nova medida que pretende “melhorar a experiência da amamentação” nos aeroportos da cidade. A empresa Mamava projetou cabines criadas especialmente para a hora de a mãe ‘dar o peito’. O site oficial da empresa afirma que os compartimentos têm espaço para bagagem, carrinho de bebê, mesa dobrável e cadeira acolchoadas. Só que sem janelas, já que a ideia é dar “privacidade” para mãe e filho. O Milwaukee’s General Mitchell International Airport anunciou a compra e instalação de três cabines.”

Ou seja: A mulher deverá ficar “confinada” numa cabine para amamentar seu bebê e nem reclamar disso deve, pois têm espaço para bagagem, carrinho de bebê, mesa dobrável e cadeira acolchoadas… é fim dos tempos mesmo!

E você o que acha disso tudo? Deixe aí seu comentário!

Alexandre Rudalov

Acredito que o principal papel de um pai é participar efetivamente na educação e se educar junto aos filhos, solidificando a relação de afeto e amizade entre ambos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close search
Back To Top